×

Nous utilisons des cookies pour rendre LingQ meilleur. En visitant le site vous acceptez nos Politique des cookies.


image

Porta Dos Fundos 2020, TERMINADOR DO FUTURO

-Oi, amor, tudo bom? -Oi, amor.

Saudades.

Oi, Max, eu sou o Lúcio da Rainbow Tech, tudo bem?

O que é isso, cara? Do nada você invade meu computador

pra fazer uma propaganda de Rainbow sei lá o quê.

-O que é isso? -Rainbow Tech.

No seu tempo, a gente era uma startupzinha vagabunda

de São Francisco, mas aqui,

-em 2032... -Hã?

...a gente acabou de comprar a Disney,

-pra você ter uma ideia. -Espera aí, 2032?

Cara, eu só quero fazer uma chamada com a minha namorada, tá?

Eu vou desligar aqui, com licença.

Com licença... Que fofo!

-Lúcio, você é gay. -O quê?

O você de 2032 nos contratou pra que viéssemos contar

pra sua versão de 2020 que você é viado.

É isso que a Rainbow Tech faz.

Gay? Eu, cara? Como assim, eu tenho namorada!

Ah, Lúcio, eu sei que você sabe que eu sei o que você sabe.

Eu te conheço, não é de ontem, é de amanhã.

Como é que você conseguiu hackear meu computador?

Tecnologia gay.

O meu mundo é uma mistura de Wakanda com The Week.

-Só dá a gente nas tecnologias. -Amigo, eu não sou gay.

-Eu transo direto com a Ana. -Transa?

De olho fechado pensando no Lázaro Ramos.

Como que você... Quem que te falou isso?

Você disse!

O seu eu de 2032 está cortando um dobrado

pelo tempo que você está perdendo aí. Poxa!

Imagina começar nessa vida gay já velho, toda acabada,

sem colágeno, com as juntas todas duras,

tendo que aprender o vocabulário todo do início.

O pajubá desde o beabá jubá?

Lúcio, se livra disso, pelo amor de Deus.

Solta esse topete, enquanto você ainda tem o topete.

Mas eu amo a Ana.

Vocês podem ser amigos, Lúcio. Vai ser a fase mais linda de vocês.

Vocês vão fazer overdose de GNT em domingo chuvoso.

Quando saírem para dançar, não vão precisar ficar dançando hétero.

Tudo duro, igual boneco de Olinda. Acabou isso, sabe? Vai soltar.

Eu não sei nem como...

Isso aí vai ser uma surpresa muito horrível pra ela.

Surpresa horrível é tirar quebra-cabeça em Kinder Ovo, Lúcio.

Pelo amor de Deus! Olha, namorar um cara que sabe a diferença

entre pré-shampoo, shampoo, condicionador e creme para pentear.

Isso tem um preço, não é? Queria o quê?

Você pode pelo menos me ajudar a contar para ela?

Ai, querido, eu não posso que eu estou pegada hoje.

Eu tenho depois que sair daqui um caso para resolver

de um menino, é... Fábio Porchat, conhece?

Um caso grave.

Começando mais uma live e... Ih...

Entrou alguém aqui? O que é isso?

Oi, Fábio, tudo bem? Eu sou o Max da Rainbow Tech.

Max, se for negócio de merchan,

eu vou te passar direto para minha empresária.

-É mais fácil falar com ela. -Não, escuta Fábio, é rápido.

É o seguinte, você não é gay, tá?

Eu venho do futuro, nós do futuro vimos o seu caso, estudamos.

Nos debruçamos sobre o seu caso, fizemos testes de DNA, carbono 14.

Você não tem isso de ser gay não, tá?

Você é só uma pessoa feliz e alegre.

Não precisa tomar medidas tão...

-O que é isso? Quem te falou isso? -Esquece piroca, tá?

De onde você tirou isso da sua cabeça?

Me deixa criar, me deixa provar do mel. Me deixa!

Você chega a estar arrumando problema pra gente.

Me deixa brincar nesse campo de orquídea.

-Esquece orquídea. -Rogério!

Não, não. Vai pro karatê. Vai fazer karatê.

-Natalie, vem aqui rapidinho! -Você é bofe.


-Oi, amor, tudo bom? -Oi, amor.

Saudades.

Oi, Max, eu sou o Lúcio da Rainbow Tech, tudo bem?

O que é isso, cara? Do nada você invade meu computador

pra fazer uma propaganda de Rainbow sei lá o quê.

-O que é isso? -Rainbow Tech.

No seu tempo, a gente era uma startupzinha vagabunda

de São Francisco, mas aqui,

-em 2032... -Hã?

...a gente acabou de comprar a Disney,

-pra você ter uma ideia. -Espera aí, 2032?

Cara, eu só quero fazer uma chamada com a minha namorada, tá?

Eu vou desligar aqui, com licença.

Com licença... Que fofo!

-Lúcio, você é gay. -O quê?

O você de 2032 nos contratou pra que viéssemos contar

pra sua versão de 2020 que você é viado.

É isso que a Rainbow Tech faz.

Gay? Eu, cara? Como assim, eu tenho namorada!

Ah, Lúcio, eu sei que você sabe que eu sei o que você sabe.

Eu te conheço, não é de ontem, é de amanhã.

Como é que você conseguiu hackear meu computador?

Tecnologia gay.

O meu mundo é uma mistura de Wakanda com The Week.

-Só dá a gente nas tecnologias. -Amigo, eu não sou gay.

-Eu transo direto com a Ana. -Transa?

De olho fechado pensando no Lázaro Ramos.

Como que você... Quem que te falou isso?

Você disse!

O seu eu de 2032 está cortando um dobrado

pelo tempo que você está perdendo aí. Poxa!

Imagina começar nessa vida gay já velho, toda acabada,

sem colágeno, com as juntas todas duras,

tendo que aprender o vocabulário todo do início.

O pajubá desde o beabá jubá?

Lúcio, se livra disso, pelo amor de Deus.

Solta esse topete, enquanto você ainda tem o topete.

Mas eu amo a Ana.

Vocês podem ser amigos, Lúcio. Vai ser a fase mais linda de vocês.

Vocês vão fazer overdose de GNT em domingo chuvoso.

Quando saírem para dançar, não vão precisar ficar dançando hétero.

Tudo duro, igual boneco de Olinda. Acabou isso, sabe? Vai soltar.

Eu não sei nem como...

Isso aí vai ser uma surpresa muito horrível pra ela.

Surpresa horrível é tirar quebra-cabeça em Kinder Ovo, Lúcio.

Pelo amor de Deus! Olha, namorar um cara que sabe a diferença

entre pré-shampoo, shampoo, condicionador e creme para pentear.

Isso tem um preço, não é? Queria o quê?

Você pode pelo menos me ajudar a contar para ela?

Ai, querido, eu não posso que eu estou pegada hoje.

Eu tenho depois que sair daqui um caso para resolver

de um menino, é... Fábio Porchat, conhece?

Um caso grave.

Começando mais uma live e... Ih...

Entrou alguém aqui? O que é isso?

Oi, Fábio, tudo bem? Eu sou o Max da Rainbow Tech.

Max, se for negócio de merchan,

eu vou te passar direto para minha empresária.

-É mais fácil falar com ela. -Não, escuta Fábio, é rápido.

É o seguinte, você não é gay, tá?

Eu venho do futuro, nós do futuro vimos o seu caso, estudamos.

Nos debruçamos sobre o seu caso, fizemos testes de DNA, carbono 14.

Você não tem isso de ser gay não, tá?

Você é só uma pessoa feliz e alegre.

Não precisa tomar medidas tão...

-O que é isso? Quem te falou isso? -Esquece piroca, tá?

De onde você tirou isso da sua cabeça?

Me deixa criar, me deixa provar do mel. Me deixa!

Você chega a estar arrumando problema pra gente.

Me deixa brincar nesse campo de orquídea.

-Esquece orquídea. -Rogério!

Não, não. Vai pro karatê. Vai fazer karatê.

-Natalie, vem aqui rapidinho! -Você é bofe.