image

Portal Brazil, Um dia no Aeroporto do Galeão: bastidores do voo

A maior pista de voos comerciais do Brasil se prepara para receber mais uma aeronave.

A parada vai ser breve. Do aeroporto internacional do Galeão, no Rio de Janeiro, o avião vai decolar para outro destino, desta vez, com a tripulação que acaba de chegar ao terminal.

“Chegando ao aeroporto com uma certa, uma hora, praticamente, de antecedência.

A gente pega a documentação pertinente ao voo e se apresenta para a tripulação.”

O número do voo, portão de embarque e o horário da partida já estão definidos.

Um trabalho coordenado pela Central de Operações Aeroportuárias.

“A gente aqui no COA é que define a parte de terra depois que a torre de controle pousa o avião.

A companhia aérea é que define pro COA qual o voo que vai ser feito, o horário que vai chegar, o horário que ele vai partir, e nós aqui, então, tentamos otimizar e dando a maior facilidade aos passageiros.”

No terminal, o comandante e a tripulação se reúnem no Departamento de Operações, uma sala onde são passadas as instruções de voo.

“A gente recebe toda a documentação desse voo: meteorologia de voo, os notams, que são notificações para os aviadores das condições de todos os aeroportos que a gente vai voar e sobrevoar, mais a nossa navegação, onde a gente tem o tempo de voo, que rota nós vamos seguir.”

“A função do comissário de voo, ele vai além do atendimento ao cliente.

O comissário de voo ele é um agente de segurança, um pouco psicólogo também. E no voo, durante o embarque, inclusive, às vezes a gente percebe que o passageiro já entra tenso, já entra com aquela fisionomia preocupada, e a gente tem um treinamento pra tratar com esse tipo de passageiro.”

É hora da tripulação entrar na aeronave e começar a receber os passageiros.

“Assim que nós chegamos na aeronave, os técnicos, que são o comandante e o copiloto, se dirigem para o cockpit, que é a cabine de piloto, e os comissários vão checar todos os equipamentos de emergência da aeronave.”

Abastecimento de combustível concluído, portas fechadas, pontes de acesso recolhidas.

Agora a aeronave precisa ser deslocada até a pista com a ajuda de um veículo chamado `push back'. Depois começa a preparação para a decolagem. Um momento aguardado por quem escolheu viver no céu e na terra.

“Eu moro no Rio de Janeiro já há bastante tempo, e o Galeão talvez tenha sido o primeiro aeroporto de grande porte que eu operei.

Então, com certeza, eu tenho uma intimidade com esse aeroporto.”


Want to learn a language?


Learn from this text and thousands like it on LingQ.

  • A vast library of audio lessons, all with matching text
  • Revolutionary learning tools
  • A global, interactive learning community.

Language learning online @ LingQ

A maior pista de voos comerciais do Brasil se prepara para receber mais uma aeronave.

A parada vai ser breve. Do aeroporto internacional do Galeão, no Rio de Janeiro, o avião vai decolar para outro destino, desta vez, com a tripulação que acaba de chegar ao terminal.

“Chegando ao aeroporto com uma certa, uma hora, praticamente, de antecedência.

A gente pega a documentação pertinente ao voo e se apresenta para a tripulação.”

O número do voo, portão de embarque e o horário da partida já estão definidos.

Um trabalho coordenado pela Central de Operações Aeroportuárias.

“A gente aqui no COA é que define a parte de terra depois que a torre de controle pousa o avião.

A companhia aérea é que define pro COA qual o voo que vai ser feito, o horário que vai chegar, o horário que ele vai partir, e nós aqui, então, tentamos otimizar e dando a maior facilidade aos passageiros.”

No terminal, o comandante e a tripulação se reúnem no Departamento de Operações, uma sala onde são passadas as instruções de voo.

“A gente recebe toda a documentação desse voo: meteorologia de voo, os notams, que são notificações para os aviadores das condições de todos os aeroportos que a gente vai voar e sobrevoar, mais a nossa navegação, onde a gente tem o tempo de voo, que rota nós vamos seguir.”

“A função do comissário de voo, ele vai além do atendimento ao cliente.

O comissário de voo ele é um agente de segurança, um pouco psicólogo também. E no voo, durante o embarque, inclusive, às vezes a gente percebe que o passageiro já entra tenso, já entra com aquela fisionomia preocupada, e a gente tem um treinamento pra tratar com esse tipo de passageiro.”

É hora da tripulação entrar na aeronave e começar a receber os passageiros.

“Assim que nós chegamos na aeronave, os técnicos, que são o comandante e o copiloto, se dirigem para o cockpit, que é a cabine de piloto, e os comissários vão checar todos os equipamentos de emergência da aeronave.”

Abastecimento de combustível concluído, portas fechadas, pontes de acesso recolhidas.

Agora a aeronave precisa ser deslocada até a pista com a ajuda de um veículo chamado `push back'. Depois começa a preparação para a decolagem. Um momento aguardado por quem escolheu viver no céu e na terra.

“Eu moro no Rio de Janeiro já há bastante tempo, e o Galeão talvez tenha sido o primeiro aeroporto de grande porte que eu operei.

Então, com certeza, eu tenho uma intimidade com esse aeroporto.”

×

We use cookies to help make LingQ better. By visiting the site, you agree to our cookie policy.