×

We use cookies to help make LingQ better. By visiting the site, you agree to our cookie policy.


image

Nossa Cozinha, Rabanada da minha infância! - Comida cheia de boas lembranças!

Rabanada da minha infância! - Comida cheia de boas lembranças!

Bem vindos a nossa cozinha, eu sou Paola Carosella, essa aqui é a nossa cozinha!

Esse aqui é o Jason Lowe...

A receita que eu vou fazer agora, você só vai aprender se você se inscrever no canal.

Porque para os não inscritos no canal eu não conto os segredos

não falo nada, você não pode nem... eu vou parar agora de falar.

To esperando você se inscrever.

Pronto, agora que você já se inscreveu, compartilhou, deixou o like aqui.

Eu vou falar dessa receita que pra mim é muito especial

é uma bobagem, provavelmente você vai saber fazer

mas a gente está aqui fazendo um grande esforço para Samanta aprender a cozinhar

como ela não sabe fazer rabanada, a gente vai ensinar a fazer a Samanta!

Não, fazer a Samanta não, a Samanta a fazer rabanada!

Rabanada, pain perdu, french toast, torrejas, cada país tem seu nome,

e para mim essa receita traz uma lembrança extremamente especial

quando eu era bem jovenzita, acho que eu tinha 10 ou 12 anos,

eu estava assistindo um filme com a minha mãe

e o filme que é um dos meus filmes preferidos, com uma das minhas atrizes preferidas,

que é a Meryl Streep!

Chama Kramer vs. Kramer

e é a história de um casal jovem, com um filho de 4 ou 5 anos

enfim, o desenrolar da história vocês podem assistir ao filme,

mas a mãe que é a Meryl Streep, decide sair do lar

que é uma decisão quase impossível de se pensar para quem é mãe

e deixa o filho com o pai, que é:

Dustin Hoffman, a idade é complicada né, tava para sair ficou na cabeça,

na hora que eu precisei falar Dustin Hoffman, foi embora

para mim quem rouba o filme, é Dustin Hoffman e o pequenininho

e tem uma parte que Dustin Hoffman vai fazer café da manhã para o pequenininho

e essa cena é brilhante, acho que nenhum dos dois fala nada

só que a cena em si fala muito, só de lembrar já me faz chorar

porque é maravilhosa, recomendo muito que vocês assistam esse filme

e quando a gente ta assistindo essa parte em que Dustin Hoffman vai fazer french toast para o filho

a minha mãe, quando o filme terminou, foi na cozinha e fez algo bastante parecido a french toast

com pão de forma de super mercado, leite, ovo e açúcar.

É uma receita muito facíl de se fazer.

E eu faço para Francesca, que se chama Francesca por causa de outro papel maravilhoso

da Meryl Streep.

É um outro filme incrível, que é...

as pontes.. vizinho to falando uma coisa muito importante na minha vida p&%*$% As Pontes de Madison County, a Meryl Streep se chama Francesca.

Então vamos fazer french toast, só para os inscritos, se não não fazemos nada!

Ingredientes para rabanada: manteiga, para cozinhar a rabanada,

leite,

Faz mais uma vez esse ruído

(Voz do Jason) só um ovo

baunilha, se tiver. Se não tiver não põe.

uma pitadita de sal,

(JASON) esse pão delícia do seu restaurante.

uma pitadita de açúcar, bem pouquinho. Pão.

No filme é feito com pão de forma de super mercado,

você pode fazer com pão francês, você pode fazer com brioche, muito chique!

você pode fazer com pão tipo esse aqui, que é um pão mais

rusticão, artesanal, não importa..

mas na verdade importa, importa sim! Porque o pão de forma

não é o vizinho que está em choque,

o vizinho está fazendo esforços porque o vizinho também quer que as pessoas se inscrevam no canal

tá gritando de lá: inscrevam -se no canal!

Tá vendo?! No canal!!

O pão de forma do super mercado é muito mole, então para fazer rabanada:

você precisa de um pão envelhecido, envelhecido não. Amanhecido.

Por isso, envelhecido melhor não, amanhecido,

Por isso que a receita em francês se chama: Pain Perdu,

pão perdido, esquecido, f@3#, cabou, morreu, ta morrido, lost, perdido

antes de ir embora o pão, a gente traz para ele aqui eu vou falar para ele, fica aqui que eu vou fazer rabanada.

Então ele tem que ser mais duro porque a gente vai

empantufar...

como se chama?

"soakar"...

soak

banhar

embeber?

embebedar?

embebedar é de... é o que o Jason faz... Não é o que a gente quer fazer aqui...

embeber...

embeber em uma mistura de leite e ovo.

então vamos lá.

Vou cortar um pedaço de pão,

esse aqui amanhecido, ele amanheceu semana passada!

Vou tirar um pouquinho da crosta.

Como é "crust" em português?

Crosta? Não? Sim? Como chama isso aqui?

Ahn?

Crosta mesmo.

(Jason) Mas não tudo...

Não, não tiro tudo só as partes que vão ficar um pouco mais duras.

Pão, que não é nem muito fina, nem muito grosso

e nem muito mácio, porque se não vocês vão ver que ele quebra na frigideira

depois que ele fica "embebido"

e aqui, vamos nós com: um ovo,

uma pitada de sal, minúscula,

meia xícara de leite,

um pouco mais, três quartos de xícara de leite.

Quer com baunilha ou sem baunilha Samanta? Com baunilha!

E agora sim, bem pouquinho açúcar, bem pouquinho açúcar, tipo uma colherzinha de chá.

Porque eu gosto de depois de terminado, ou servir com geléia, doce de leite,

ou servir com um pouquinho de rapadura ralada por cima,

um pouquinho de açúcar por cima mais, entendeu..

então se a gente põe muito açúcar aqui depois fica doce demais.

Agora

eu vou pegar o pão e vou espetar ele um pouquinho com garfo, para ele absorver mais

a mistura.

Então se for um pão super fofinho e super fresquinho, na hora que eu faço isso o meu pão morreu,

o meu pão acabou aqui na tábua, então.

Vou colocar ele para se embebedar no leite com ovos, ok? Ok!

Enquanto ele fica ai, eu vou aquecer uma frigideira.

Precisamos prestar atenção no tempo que o pão fica se embebedando, tem que ser

nem muito nem pouco, o tempo certo,

se ficar muito ele vai desmanchar aqui dentro e se ficar pouco vai ficar duro,

mas quando vocês sentirem que amassando assim com o dedo

ele já está parecendo uma esponjinha, uma esponjinha..

ele já está pronto, então eu vou tirar e colocar o outro

então essa mistura de um ovo com três quartos de xícaras de leite

dá para umas três rabanadas bem grandes

manteiga

então quando a manteiga está assim:

quente e burbulhante e... sem queimar, né?

vou colocar a torrada, a torrada não, o pão, desculpa

a tradução do filme de French Toast para espanhol era "Torradas Francesas".

"Tostadas francesas", era assim que minha mãe aprendeu a fazer e ai ela fazia pra mim

e era meu café da manhã preferido.

Agora que vem, um momento assim decisivo e mais díficil para muitos amadores

ou pessoas que não cozinham, não sabem cozinhar, que é assim:

em que momento eu viro ela?

Se você usa o fogo muito alto, agora, provavelmente a manteiga vai queimar

e a torrada vai ficar pálida

porque a manteiga vai queimar antes do que a torrada vai dourar

então você precisa agora baixar um pouco o fogo

precisa ficar de olho para a manteiga não queimar,

mas é óbvio que a manteiga vai escurecer, que a manteiga tem sólidos de leite

e os sólidos de leite são os que douram quando a manteiga derrete

uma coisa é uma manteiga marronzinha e outra coisa é uma manteiga queimada

manteiga marronzinha não tem problema nenhum,

na frança chama manteiga "noisette"

manteiga "avelã"

porque tem a cor de uma avelã e tem o sabor também de nozes

então muitas vezes se usa para dar sabor a molhos ou para fazer receitas

onde a manteiga de propósito se usa desse jeito

então para "french toast", para rabanada essa manteiga mais escura,

com cuidado que não seja queimada vai trazer nuances de sabor

de nozes torradas que fica muito legal

e é muito saboroso numa coisa que é apenas uma fatia de pão, com ovo e leite.

Mas em que momento eu viro, Paola? Para de falar!

Então: se você conseguir passar a espátula por baixo, assim,

ai você levanta e dá uma xeretadinha,

Dourou? Aí você vai e virou!

Você viu Samanta, que eu coloquei a espátula, pus a mão em cima e virei? Tá!

Do mesmo jeito que eu fiz, porque isso aqui não queima!

Então, se você não apoiar com a mão,

e você vira com a espátula e joga,

a manteiga vai espirrar e aí que você vai se queimar.

mas se você faz com cuidado e usa a mão, você não vai se queimar,

então as vezes é melhor colocar a mão perto, muito mais seguro do que ter medo de por a mão

e a gordura espirrar para você ou para sua roupa tão maravilhosa!

Para eu fazer a segunda torrada, eu vou trocar a manteiga,

porque essa manteiga já está muito "noisette", muito marrom.

Se eu cozinhasse essa torrada aqui agora, na hora de tirar essa

já teria gosto de manteiga queimada,

que fica ácida, amarga, horrorosa! Mas essa assim tá boa.

Pronto, eu vou pegar um papel.

Eu apoiei no papel para tirar um pouquinho do excesso de gordura,

E... aqui no prato!

Ai que delícia!

E... eu vou finalizar com um pouco de rapadura por cima

Quer rapadura ou quer doce de leite, Samanta?

(Samanta) O que você quiser...

Pode ser os dois?

Pode! ahahahahahha

Um pouco de rapadura...

É... Eu acho que tem que ter canela,

não perguntei, não sei se você gosta, mas eu vou por igual

(Jason) Oh, Jesus...

Eu gosto porque é crocante por fora

e bem molhadinho por dentro, né? Incrível!

Quer experimentar? Você não pode doce, né?

Vou fazer outra!

Deixa seu like, se inscreva no canal, faça tudo isso e faça a rabanada!

Rabanada da minha infância! - Comida cheia de boas lembranças! French Toast aus meiner Kindheit! - Ein Essen voller guter Erinnerungen! Rabanada from my childhood! - Food full of good memories! Le pain perdu de mon enfance ! - Une nourriture pleine de bons souvenirs ! 子供の頃のフレンチトースト! - 良い思い出の詰まった食べ物! 小时候的法式吐司! - 充满美好回忆的食物!

Bem vindos a nossa cozinha, eu sou Paola Carosella, essa aqui é a nossa cozinha! Welcome to our kitchen, I'm Paola Carosella, this is our kitchen!

Esse aqui é o Jason Lowe...

A receita que eu vou fazer agora, você só vai aprender se você se inscrever no canal.

Porque para os não inscritos no canal eu não conto os segredos

não falo nada, você não pode nem... eu vou parar agora de falar.

To esperando você se inscrever.

Pronto, agora que você já se inscreveu, compartilhou, deixou o like aqui. Okay, now that you've subscribed, shared, left the like here.

Eu vou falar dessa receita que pra mim é muito especial

é uma bobagem, provavelmente você vai saber fazer

mas a gente está aqui fazendo um grande esforço para Samanta aprender a cozinhar

como ela não sabe fazer rabanada, a gente vai ensinar a fazer a Samanta! as she doesn't know how to make french toast, we'll teach her how to make Samanta!

Não, fazer a Samanta não, a Samanta a fazer rabanada!

Rabanada, pain perdu, french toast, torrejas, cada país tem seu nome, French toast, pain perdu, french toast, turrets, each country has its name,

e para mim essa receita traz uma lembrança extremamente especial

quando eu era bem jovenzita, acho que eu tinha 10 ou 12 anos,

eu estava assistindo um filme com a minha mãe

e o filme que é um dos meus filmes preferidos, com uma das minhas atrizes preferidas, and the movie that is one of my favorite movies, with one of my favorite actresses,

que é a Meryl Streep!

Chama Kramer vs. Kramer

e é a história de um casal jovem, com um filho de 4 ou 5 anos

enfim, o desenrolar da história vocês podem assistir ao filme,

mas a mãe que é a Meryl Streep, decide sair do lar

que é uma decisão quase impossível de se pensar para quem é mãe which is an almost impossible decision to think about who is a mother

e deixa o filho com o pai, que é:

Dustin Hoffman, a idade é complicada né, tava para sair ficou na cabeça, Dustin Hoffman, age is complicated, it was about to go out, it was in my head,

na hora que eu precisei falar Dustin Hoffman, foi embora by the time I needed to say Dustin Hoffman, he left

para mim quem rouba o filme, é Dustin Hoffman e o pequenininho

e tem uma parte que Dustin Hoffman vai fazer café da manhã para o pequenininho

e essa cena é brilhante, acho que nenhum dos dois fala nada

só que a cena em si fala muito, só de lembrar já me faz chorar but the scene itself speaks a lot, just remembering makes me cry

porque é maravilhosa, recomendo muito que vocês assistam esse filme

e quando a gente ta assistindo essa parte em que Dustin Hoffman vai fazer french toast para o filho

a minha mãe, quando o filme terminou, foi na cozinha e fez algo bastante parecido a french toast

com pão de forma de super mercado, leite, ovo e açúcar. with super market loaf bread, milk, egg and sugar.

É uma receita muito facíl de se fazer.

E eu faço para Francesca, que se chama Francesca por causa de outro papel maravilhoso And I do for Francesca, who is called Francesca because of another wonderful role.

da Meryl Streep.

É um outro filme incrível, que é...

as pontes.. vizinho to falando uma coisa muito importante na minha vida p&%*$% the bridges... neighbor i'm saying something very important in my life p&%*$% As Pontes de Madison County, a Meryl Streep se chama Francesca.

Então vamos fazer french toast, só para os inscritos, se não não fazemos nada!

Ingredientes para rabanada: manteiga, para cozinhar a rabanada,

leite,

Faz mais uma vez esse ruído make that noise again

(Voz do Jason) só um ovo

baunilha, se tiver. Se não tiver não põe. vanilla if you have it. If not, don't put it.

uma pitadita de sal, a pinch of salt,

(JASON) esse pão delícia do seu restaurante. (JASON) This delicious bread from your restaurant.

uma pitadita de açúcar, bem pouquinho. Pão.

No filme é feito com pão de forma de super mercado,

você pode fazer com pão francês, você pode fazer com brioche, muito chique!

você pode fazer com pão tipo esse aqui, que é um pão mais you can make it with bread like this one, which is more

rusticão, artesanal, não importa..

mas na verdade importa, importa sim! Porque o pão de forma but actually it matters, it does matter! because the loaf bread

não é o vizinho que está em choque, it's not the neighbor who is in shock,

o vizinho está fazendo esforços porque o vizinho também quer que as pessoas se inscrevam no canal

tá gritando de lá: inscrevam -se no canal!

Tá vendo?! No canal!!

O pão de forma do super mercado é muito mole, então para fazer rabanada:

você precisa de um pão envelhecido, envelhecido não. Amanhecido. you need aged bread, not aged bread. Dawn.

Por isso, envelhecido melhor não, amanhecido,

Por isso que a receita em francês se chama: Pain Perdu,

pão perdido, esquecido, f@3#, cabou, morreu, ta morrido, lost, perdido lost bread, forgotten, f@3#, it's gone, it's dead, it's dead, lost, lost

antes de ir embora o pão, a gente traz para ele aqui eu vou falar para ele, fica aqui que eu vou fazer rabanada.

Então ele tem que ser mais duro porque a gente vai

empantufar... stuff...

como se chama?

"soakar"...

soak

banhar

embeber?

embebedar?

embebedar é de... é o que o Jason faz... Não é o que a gente quer fazer aqui...

embeber...

embeber em uma mistura de leite e ovo.

então vamos lá.

Vou cortar um pedaço de pão,

esse aqui amanhecido, ele amanheceu semana passada!

Vou tirar um pouquinho da crosta.

Como é "crust" em português?

Crosta? Não? Sim? Como chama isso aqui?

Ahn?

Crosta mesmo.

(Jason) Mas não tudo...

Não, não tiro tudo só as partes que vão ficar um pouco mais duras.

Pão, que não é nem muito fina, nem muito grosso

e nem muito mácio, porque se não vocês vão ver que ele quebra na frigideira

depois que ele fica "embebido"

e aqui, vamos nós com: um ovo,

uma pitada de sal, minúscula,

meia xícara de leite,

um pouco mais, três quartos de xícara de leite.

Quer com baunilha ou sem baunilha Samanta? Com baunilha!

E agora sim, bem pouquinho açúcar, bem pouquinho açúcar, tipo uma colherzinha de chá.

Porque eu gosto de depois de terminado, ou servir com geléia, doce de leite,

ou servir com um pouquinho de rapadura ralada por cima,

um pouquinho de açúcar por cima mais, entendeu..

então se a gente põe muito açúcar aqui depois fica doce demais.

Agora

eu vou pegar o pão e vou espetar ele um pouquinho com garfo, para ele absorver mais

a mistura.

Então se for um pão super fofinho e super fresquinho, na hora que eu faço isso o meu pão morreu,

o meu pão acabou aqui na tábua, então.

Vou colocar ele para se embebedar no leite com ovos, ok? Ok!

Enquanto ele fica ai, eu vou aquecer uma frigideira.

Precisamos prestar atenção no tempo que o pão fica se embebedando, tem que ser

nem muito nem pouco, o tempo certo,

se ficar muito ele vai desmanchar aqui dentro e se ficar pouco vai ficar duro,

mas quando vocês sentirem que amassando assim com o dedo

ele já está parecendo uma esponjinha, uma esponjinha..

ele já está pronto, então eu vou tirar e colocar o outro

então essa mistura de um ovo com três quartos de xícaras de leite

dá para umas três rabanadas bem grandes

manteiga

então quando a manteiga está assim:

quente e burbulhante e... sem queimar, né?

vou colocar a torrada, a torrada não, o pão, desculpa

a tradução do filme de French Toast para espanhol era "Torradas Francesas".

"Tostadas francesas", era assim que minha mãe aprendeu a fazer e ai ela fazia pra mim

e era meu café da manhã preferido.

Agora que vem, um momento assim decisivo e mais díficil para muitos amadores

ou pessoas que não cozinham, não sabem cozinhar, que é assim:

em que momento eu viro ela?

Se você usa o fogo muito alto, agora, provavelmente a manteiga vai queimar

e a torrada vai ficar pálida

porque a manteiga vai queimar antes do que a torrada vai dourar

então você precisa agora baixar um pouco o fogo

precisa ficar de olho para a manteiga não queimar,

mas é óbvio que a manteiga vai escurecer, que a manteiga tem sólidos de leite

e os sólidos de leite são os que douram quando a manteiga derrete

uma coisa é uma manteiga marronzinha e outra coisa é uma manteiga queimada

manteiga marronzinha não tem problema nenhum,

na frança chama manteiga "noisette"

manteiga "avelã"

porque tem a cor de uma avelã e tem o sabor também de nozes

então muitas vezes se usa para dar sabor a molhos ou para fazer receitas

onde a manteiga de propósito se usa desse jeito

então para "french toast", para rabanada essa manteiga mais escura,

com cuidado que não seja queimada vai trazer nuances de sabor

de nozes torradas que fica muito legal

e é muito saboroso numa coisa que é apenas uma fatia de pão, com ovo e leite.

Mas em que momento eu viro, Paola? Para de falar!

Então: se você conseguir passar a espátula por baixo, assim,

ai você levanta e dá uma xeretadinha,

Dourou? Aí você vai e virou!

Você viu Samanta, que eu coloquei a espátula, pus a mão em cima e virei? Tá!

Do mesmo jeito que eu fiz, porque isso aqui não queima!

Então, se você não apoiar com a mão,

e você vira com a espátula e joga,

a manteiga vai espirrar e aí que você vai se queimar.

mas se você faz com cuidado e usa a mão, você não vai se queimar,

então as vezes é melhor colocar a mão perto, muito mais seguro do que ter medo de por a mão

e a gordura espirrar para você ou para sua roupa tão maravilhosa!

Para eu fazer a segunda torrada, eu vou trocar a manteiga,

porque essa manteiga já está muito "noisette", muito marrom.

Se eu cozinhasse essa torrada aqui agora, na hora de tirar essa

já teria gosto de manteiga queimada,

que fica ácida, amarga, horrorosa! Mas essa assim tá boa.

Pronto, eu vou pegar um papel.

Eu apoiei no papel para tirar um pouquinho do excesso de gordura,

E... aqui no prato!

Ai que delícia!

E... eu vou finalizar com um pouco de rapadura por cima

Quer rapadura ou quer doce de leite, Samanta?

(Samanta) O que você quiser...

Pode ser os dois?

Pode! ahahahahahha

Um pouco de rapadura...

É... Eu acho que tem que ter canela,

não perguntei, não sei se você gosta, mas eu vou por igual

(Jason) Oh, Jesus...

Eu gosto porque é crocante por fora

e bem molhadinho por dentro, né? Incrível!

Quer experimentar? Você não pode doce, né?

Vou fazer outra!

Deixa seu like, se inscreva no canal, faça tudo isso e faça a rabanada!